- PUBLICIDADE -

A dor do fracasso!

Hoje é um daqueles textos que funcionam como minha catarse, nem merece ser lido, mas preciso dele para desabafar.
Sou uma pessoa com essência narcisista e controladora. É difícil admitir isso. Odeio perder, odeio falhar, odeio errar, detesto não atingir meus objetivos. Planejo minha vida, faço sacrifícios para realizar meus sonhos, mas sou extremamente limitado.
Hoje fracassei. Isso me deixou triste e abatido. Não costumo ficar muito tempo no chão, pois aprendi que cada queda me faz mais forte, mas não posso negar que sinto o baque. Quando você se esforça para atingir um objetivo e não o atinge é frustrante. É uma dor difícil de descrever.
Não sei para quê estou me preparando hoje já que fracassei em meu objetivo, mas sei que é para algo grande. Sei disso, pois tenho procurado ser alguém melhor para melhorar a vida daqueles que estão a minha volta e isso me conforta.
Gostaria de ter o controle de muita coisa, mas as vezes me esqueço que o controle não é meu, é daquele que me criou. Tenho que olhar para meu interior de forma a descobrir onde preciso melhorar para crescer. Tenho que aprender com meus erros e me fortalecer.
Peço a Deus que me dê sabedoria e força para prosseguir. É difícil falhar. É difícil perder, mas é preciso continuar!!!
Quando reconhecemos nossas fraquezas nos tornamos mais fortes durante a caminhada! É a busca do equilíbrio que nos conduz a sabedoria…

Aderivaldo Cardoso
Aderivaldo Cardosohttps://policiamentointeligente.com
Especialista em segurança pública e cidadania, pós graduado pelo Departamento de Sociologia da Universidade de Brasília
- PUBLICIDADE -

COMENTÁRIOS

NOTÍCIAS RELACIONADAS

- PUBLICIDADE -

Últimas Notícias

- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -