- PUBLICIDADE -

Votação do nosso aumento salarial

Ontem foi um dia agitado na Câmara Federal. Ocorreu uma grande discussão sobre a criação de novos cargos que pudessem atender a estrutura do PSD, partido recriado para acomodar discidentes. Um tema polêmico entre os deputados que “obstruiu” por diversas vezes a pauta de votação, que incluia nosso projeto de lei que dispõe sobre o aumento salarial das categorias (PMDF, BMDF e PCDF).

Várias emendas foram apresentadas ao Projeto de Lei, sendo a mais polêmica a “emenda nº 01” que altera os critérios de promoção de oficiais superiores, dando amplos poderes ao governo para escolher aqueles que serão promovidos, independentemente da posição no almanaque. A antiguidade deixa de ser algo “essencial” para a promoção ao posto de coronel na PMDF. Uma verdadeira desmilitarização cultural em nosso meio. O dia de ontem foi pautado também por várias reportagens sobre a arapongagem no DF, tema que envolveu o chefe da casa militar, e que segundo as fontes jornalísticas, fora resolvido.

Nos bastidores, ontem foi dia de fazer lobby para a aprovação das emendas. Uma aparente divergência entre o “coordenador da bancada” e o “relator” do projeto pode gerar um recuo na aprovação das emendas. Fala-se que reduziu-se bastante a probabilidade de aprovação de emendas, sendo o mais provável somente a aprovação do texto como foi enviado pelo executivo.

Vários deputados de outros estados, em especial os líderes de bancada, pediram que o texto fosse votado hoje, quinta-feira. É possível que após a votação do tema polêmico sobre a criação dos cargos para o PSD na estrutura da casa, que nosso projeto seja votado ainda hoje. Estamos no aguardo.

Congresso_Nacional

Aderivaldo Cardoso
Aderivaldo Cardosohttps://policiamentointeligente.com
Especialista em segurança pública e cidadania, pós graduado pelo Departamento de Sociologia da Universidade de Brasília
- PUBLICIDADE -

COMENTÁRIOS

NOTÍCIAS RELACIONADAS

- PUBLICIDADE -

Últimas Notícias

- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -