- PUBLICIDADE -

Lançamento de bases comunitárias móveis no DF

Em junho de 2011 levantamos alguns pontos interessantes sobre o tema policiamento comunitário, visando o aperfeiçoamento do sistema de segurança pública, muito do que foi levantando aqui foi colocado em prática. Aqui também falamos sobre as “bases fixas”, ultrapassadas de São Paulo, e que a tendência era termos “bases móveis” no DF. Amanhã nossas “previsões” serão confirmadas com o lançamento de “Bases comunitárias móveis”, o mesmo nome utilizado em São Paulo. Em janeiro de 2013 voltamos a discutir o tema.  Estamos “migrando” mais uma vez dos “postos fixos” para as viaturas (BASES MÓVEIS). Para compreendermos o DF e se tais experiências darão certo uma boa referência são os estados de São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais. A próxima tendência é acompanhar as polícias de “Pernambuco e Ceará”. Aguardar para ver. Espero que em breve possamos discutir o POP – POLICIAMENTO ORIENTADO PARA O PROBLEMA.
A ideia é boa. Não podem esquecer que devem esquecer que postos fixos e móveis são complementares, pois segurança pública se faz com a redução dos espaços de atuação dos criminosos…
viaturas
 
“É clássico em Brasília vivermos a alternância entre postos policiais e policiamento motorizado. Quando o posto policial demonstra suas deficiências sugerem-se a troca pelas viaturas e quando o serviço motorizado não resolve os problemas de segurança pública sugerem-se postos fixos. Fazendo uma analogia com outros Estados da Federação, é possível que em breve façam semelhante a São Paulo, onde fazem um mix dos dois. Não será surpresa se colocarem “postos móveis” como a solução de nossos problemas. Resta ver se solucionará os nossos dilemas. Não focamos em descobrir as causas de nossos problemas, por meio de diagnósticos confiáveis, e as possíveis soluções. Isso exige estudos, exige tempo, exige trabalho, acima de tudo exige qualificação profissional, exige profissionalismo.”
(Postado em 21/01/2013)
postos-comunitc3a1riosimages
 
 
 
Bases comunitárias móveis

30/04/2013 18:10:00

Centro de Comunicação Social

O governador Agnelo Queiroz entregará, nesta quinta-feira, 2 de maio, 15 bases comunitárias móveis para a Polícia Militar. A solenidade será no batalhão de Samambaia, às 10h da manhã. O planejamento da PMDF prevê mais 41 unidades, com previsão de entrega até o fim de junho. De acordo com o Comandante-geral da PMDF, coronel Suamy Santana, o emprego dessas unidades dará mais agilidade ao policiamento. “ Vamos aumentar o alcance do serviço policial atendendo a população de forma mais rápida, mantendo a sensação de segurança”, destaca o comandante Suamy.

A base móvel é composta por uma Van equipada com computadores, uma viatura e duas motos. Cada base contará com a presença de oito policiais que farão o policiamento no setor onde ela será instalada. A idéia é complementar as atividades dos postos comunitários. As bases ficarão em pontos estratégicos onde há maior movimento e concentração de pessoas. O atendimento à população será feito diuturnamente. 

As primeiras unidades irão reforçar o policiamento na Asa Sul, Samambaia, Núcleo Bandeirante, Planaltina, Paranoá, Varjão, Santa Maria, Sudoeste e Gama. As bases móveis também serão empregadas nos grandes eventos que ocorrem em todo o Distrito Federal e sempre contam com a participação da Polícia Militar.

Fonte: http://www.pmdf.df.gov.br/?pag=noticia&txtCodigo=16250

Saiba mais:

Policiamento Inteligente

Minidelegacias no DF

Desafio aos candidatos

Aderivaldo Cardoso
Aderivaldo Cardosohttps://policiamentointeligente.com
Especialista em segurança pública e cidadania, pós graduado pelo Departamento de Sociologia da Universidade de Brasília
- PUBLICIDADE -

COMENTÁRIOS

NOTÍCIAS RELACIONADAS

- PUBLICIDADE -

Últimas Notícias

- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -