- PUBLICIDADE -

A nova estrutura da Polícia Militar do DF. Problema ou solução?

Hoje quero discorrer sobre um tema ainda novo, difícil de ser analisado. A reestruturação da PMDF, inciada em dezembro do ano passado com a Lei 12.086/09, depois dela tenho me sentido em outra polícia.
A idéia é muito boa, apesar de ter sido invertida a ordem dos fatores. Primeiro cria-se a estrutura para depois criar-se as vagas. Aqui pensou-se primeiro nas vagas e só depois na estrutura. Pensou-se no presente sem fazer uma projeção futura. Um risco, pois poderemos pagar um preço muito alto. Se observarmos bem a lei, não tivemos um aumento real de efetivo. Tivemos apenas uma reedistribuição das vagas existentes, basta observar que nosso efetivo atual é de no máximo 18.673 (dezoito mil e seiscentos e setenta e três) policiais nos diversos quadros existentes. De certa forma, um aumento “insignificante” nos últimos vinte anos, pois a lei 11.134/05 também incorreu no mesmo erro.
Além disso, está ocorrendo um “inchaço” na máquina administrativa, pois antes tínhamos 13 (treze) coronéis distribuídos entre o comando-geral, as diretorias e chefias. Lembrando que a estrutura anterior, de maneira resumida, era composta por:
– Diretorias e Chefias (Coronéis);
– Comandos “regionais” (Coronéis);
– Unidades policiais (Tenente Coronéis e Majores).
Atualmente tivemos um “salto” de 13 (treze) para 39 (trinta e nove) coronéis, distribuídos na seguinte estrutura:
I – Comando-Geral;
II – O Subcomandante-Geral;
III – O Estado-Maior, órgãos de planejamento estratégico;
IV – Os departamentos, órgãos de direção-geral.
O restante da “estrutura” está dividida entre os 78 (setenta e oito) Tenente-Coronéis e os 199 (cento e noventa e nove) Majores previstos no Quadro de Oficiais Policiais Militares, sem falar nos oficiais de outros quadros. São elas:
V – as diretorias, órgãos de direção setorial;
VI – as comissões; e
VII – as assessorias.
Em uma estrutura altamente burocratizada como a nossa,  essa reestruturação, baseada também na gestão por competência, pode gerar grandes  “choques” de ordem cultural, como já está ocorrendo. Vemos “antigos” incomodados com um “novinho” no comando operacional.
Internamente estamos vivendo um grande conflito por causa da burocratização excessiva que está existindo. É preciso que o Comando-Geral fique atento e amenize os prejuízos. Posso dar como exemplo um documento que precisa ser enviado de um comando para uma unidade operacional, com urgência,  e que por ordem “superior” deva passar pelo diretor, para que ele encaminhe para o chefe do Departamento, de forma que esse se comunique com o outro chefe de Departamento que por sua vez mandará o documento para o “seu” diretor, que comunicará ao “seu” comandante, que encaminhará para o “chefe de setor”, que por último entrará em contato com o subordinado. Esse “trâmite” está levando em média duas semanas, o que faz com o sistema pare, gerando prejuízos gravíssimos a Instituição.
Em outra oportunidade falarei sobre a  falta de tenentes e a sobrecarga dos existentes, pois os capitães (261 – duzentos e sessenta e um), maioria do quadro de oficiais, não “podem” tirar serviço de oficial-de-dia. Também abordarei a mudança de nossa base de praças que passa a ter mais “graduados” do que soldadoS, temos atualmente uma previsão de:
5.564 (cinco mil, quinhentos e sessenta e quatro) SOLDADOS combatentes;
3.354 (três mil, trezentos e cinquenta e quatro) CABOS combatentes; e
7.072 (sete mil e setenta e dois) SARGENTOS  combatentes.
Somando-se o quantitativo de subtenentes (560), sargentos e cabos chegaremos a 10.986 (dez mil, novecentos e oitenta e seis) “GRADUADOS”!
É PRECISO REVER AS COMPETÊNCIAS E FUNÇÕES DE CADA UM DENTRO DA NOVA ESTRUTURA, CASO CONTRÁRIO HAVERÁ SOBRECARGA DENTRO DO SISTEMA! 
Uma dúvida surgiu: de onde virão os policiais para preencher a nova estrutura interna?
Se cada coronel (39) comandar 100 (cem) homens no expediente iremos necessitar de 3.900 (três mil e novecentos) policiais administrativos…
QUANTOS POLICIAIS SÃO COMANDADOS POR UM CORONEL?

Saiba mais:
http://aderivaldo23.wordpress.com/2010/02/02/lei-12-08609-prognostico/
http://aderivaldo23.wordpress.com/2010/08/11/consequencias-da-reestruturacao-da-pmdf/
http://aderivaldo23.wordpress.com/2010/01/30/temos-vagas-para-contratar-novos-policiais-ate-2014/
http://aderivaldo23.wordpress.com/2010/01/29/promocoes-de-abril-como-serao/
A POLÍCIA ESTÁ MUDANDO…
A CONSTRUÇÃO É DIÁRIA!

Aderivaldo Cardoso
Aderivaldo Cardosohttps://policiamentointeligente.com
Especialista em segurança pública e cidadania, pós graduado pelo Departamento de Sociologia da Universidade de Brasília
- PUBLICIDADE -

COMENTÁRIOS

NOTÍCIAS RELACIONADAS

- PUBLICIDADE -

Últimas Notícias

- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -