- PUBLICIDADE -

Cartilha sobre os postos policiais!

Muito boa a iniciativa da PMDF em produzir uma cartilha sobre os postos comunitários de segurança.
Fiz essa proposta em minha monografia. Seria interessante descobrir uma forma eficiente para distribuí-la!
Parabéns pela iniciativa!

Posto Comunitário
de
Segurança
a segurança é maior!
Quando a Polícia Militar está por perto,
Serão 300 postos em todo o Distrito
Federal, distribuídos de forma que cada um atenda
a duas mil famílias.
Cada posto terá 16 policiais militares, que
se revezarão em escalas de serviço e utilizarão
para o patrulhamento uma viatura e duas
motocicletas.
A instalação dos postos vai priorizar os
locais com alto índice de criminalidade, próximo às
escolas e as futuras Vilas Olímpicas,
proporcionando segurança, conservando a ordem
e assegurando o bem estar da comunidade.
Com os postos comunitários de Segurança,
a sua vida e a da sua família vão
ficar muito mais seguras
e tranqüilas.
A polícia Militar dispõe de outras cartilhas
educativas/preventivas.
Comunicação Social – 3445 2363
www.pmdf.df.gov.br
190
 
 
O que é o
policiamento comunitário?
Os Postos Comunitários de Segurança fazem
parte da filosofia do policiamento comunitário, que agrega
uma nova visão estratégica e operacional às ações de
policiamento. Nesse novo paradigma, o policial atua em
conjunto com a comunidade na identificação de seus
problemas e na busca por soluções. Essa convivência
harmoniosa integra ao processo decisório das políticas de
segurança pública os desígnios da comunidade.
A filosofia do policiamento comunitário orienta a
formulação de diretrizes, diferente de ser uma modalidade
de policiamento. Assim, não apenas os policiais dos PCS
são agentes comunitários. O que os caracteriza não é o
PCS, mas a doutrina que os orienta.
O que são os PCS?
Os Postos Comunitários de Segurança fazem
parte da política de segurança pública do Distrito Federal
que promove a aproximação dos policiais com a
comunidade. Os postos são equipados com viaturas,
motocicletas, computador e rádios transceptores. Eles
estão aptos a receberem comunicados de crimes,
apoiarem em ocorrências, além de orientações gerais.
Os Postos Comunitários de Segurança são
referenciais para que a comunidade os busque em
situações de risco.
Orientações:
Os Postos Comunitários de Segurança funcionam
diuturnamente, todos os dias da semana;
Procure conhecer os policiais do PCS próximo a sua
casa, eles são a alternativa de segurança mais
rápida;
Cada PCS possui um número de telefone, procure
saber o do PCS mais próximo de sua casa. Caso não
saiba, utilize o 190.
A localidade de instalação:
A escolha dos locais para a instalação dos postos
foi baseada em uma pesquisa que apontou as regiões onde
ocorre o maior número de crimes.
A distribuição de Postos Policiais por áreas,
agrupando cidades satélites, foi feita de forma criteriosa,
baseando-se em informações dos comandantes de
unidades policiais em cada satélite, dos administradores
regionais dessas cidades e de associações e lideranças
comunitárias de cada região.
Os resultados esperados:
A idéia é que haja a participação da comunidade
nas formulações, implementações e avaliações das políticas
de segurança pública e estratégias de policiamento,
através da efetiva implantação da filosofia do programa
de policiamento comunitário.
A instalação de cada Posto Comunitário de
Segurança torna-se um instrumento avançado entre o
relacionamento da Polícia Militar e comunidade na
redução dos índices de criminalidade, no aumento da
confiança dos serviços prestados, maior eficácia nas
ações e adoção de estilo de gerenciamento participativo.
As instalações dos Postos
Comunitários de Segurança:
A estrutura de todos os Postos Comunitário de
Segurança é pré-moldada, feita de aço e fibra de vidro. O
material dispensa manutenção, pois não sofre danos com
a ação do sol e das chuvas.
As unidades contam também com uma torre de
oito metros de altura para fazer patrulhamento visual.
A Polícia Militar está viabilizando a instalação de
equipamentos de informática para todos os postos. A
idéia é que todas as unidades disponham de rádios
transmissores, telefones, equipamentos para controle de
trânsito, visores noturnos, binóculos, palm tops,
computadores, televisores, entre outros.
Vários projetos de aquisição dos referidos
equipamentos já estão em andamento.
Fonte: http://www.pmdf.df.gov.br/pdf/dicasSeguranca/pcs.pdf
Aderivaldo Cardoso
Aderivaldo Cardosohttps://policiamentointeligente.com
Especialista em segurança pública e cidadania, pós graduado pelo Departamento de Sociologia da Universidade de Brasília
- PUBLICIDADE -

COMENTÁRIOS

NOTÍCIAS RELACIONADAS

- PUBLICIDADE -

Últimas Notícias

- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -