- PUBLICIDADE -

A "operação tartaruga" da PMDF traz resultados práticos?

Sempre que entro no Blog Rede Democrática, que muito admiro, sou amigo do companheiro Ronner Gama, por um período fui um dos consultores do Blog e da Rede, fico impressionado com os comentários que lá estão, inclusive sobre minha pessoa. As vezes fico achando que vejo coisas que outros não vêem e falo coisas que muitos não falam. Entre uma dura verdade e uma doce mentira, sempre irei optar pela dura verdade.
Vejo muitos falando sobre a operação padrão da PMDF, conhecida como “operação tartaruga” e fico me perguntando sobre sua eficácia, eficiência e efetividade se não houver a cobertura midiática. A “operação tartaruga” traz benefícios em determinadas regiões, em outras não. Precisamos compreender isso. Nas áreas onde a mancha criminal é mais “acentuada” é provável que ela aumente, mas não existe uma comprovação de que haja uma migração criminal para outras áreas. Por tanto no Plano Piloto deveríamos focar em outras estratégias.
Muitos colegas não conseguem perceber que a “elite” está protegida no Lago Sul, Sudoeste, Lago Norte, Sudoeste, Asa Sul e Asa Norte. Ela não está preocupada com o “aumento” da criminalidade na casa alheia. O ser humano é egoísta por natureza. O “crime” não chega nestas comunidades como chega na periferia. Mas quando chega toma proporções alarmantes. O maior problema na área sul e norte não está ligado a crimes, mas sim ao trânsito e a falta de estacionamentos. Por isso ações voltadas no sentido de “manter” a “ordem” nos estacionamentos poderá surtir mais efeitos do que “NÃO” trabalharmos. A “elite” só sente quando tocamos o seu “bolso”. Esse monópolio é nosso. O Estado nos confere tal poder. Vamos usá-lo.
Uma operação de “manutenção” da “ordem” no trânsito próximo aos representantes do poder local e federal (Congresso Nacional, Câmara Legislativa e Palácio do Buriti) irá trazer mais efeito midiáticos do que “NÃO” trabalharmos. A mídia procura o que é incomum. Nosso serviço não pode ser medido pelo que não fazemos, mas somente pelo que fazemos. Esta é a grande dificuldade. Precisamos compreender isso.
Outro ponto importante seriam ações nas vias onde foram implantadas as faixas esclusivas de ônibus. Temos várias alternativas! Precisamos estudá-las.
Para mim tudo isso é muito claro. É visível o CAOS que iremos gerar no sistema. Fico imaginando a população procurando vagas “legais” e não achando. A percepção dos problemas de nossa cidade irão aflorar e os protestos também. Acho que vejo as consequências e não somente as causas de cada um de nossos atos. Falta-nos esta percepção. Podemos precionar o sistema dentro da legalidade. Gerar várias consequências com essas nossas ações. Que dependendo da amplitude pode ser até mesmo institucionalizada. Um movimento ordeiro e inteligente deve prezar pela legalidade e efetividade de suas ações.
Seria fácil para mim, “formador de opinião”, como alguns dizem, chegar aqui e falar um monte “asneiras” “irresponsáveis” incentivando a “tropa” a agir. Não faz parte do meu caráter. Precisamos ser responsáveis em nossas ações. São pais de família, amigos e companheiros que dependem da polícia para sobreviver. Temos que ter paciência e fé em nossa busca. Sempre lembrando que o objetivo principal é a cobrança das 13 propostas e implantação do nosso aumento no ORÇAMENTO DO PRÓXIMO ANO. Grandes expectativas geram grandes frustrações.
Precisamos compreender que a teoria das massas explica como “dominar” as “massas” por meio de promessas fantasiosas. Precisamos ter os pés no chão, mas sempre tendo a consciência de que é possível. Depende de nossa organização e união. Precisamos nos manter mobilizados.
Para receber coisas novas precisamos abrir mão das velhas. A mudança de paradigma passa pela mudança de atitude. Se as receitas antigas não trouxeram bons resultados por que continuar a segui-las?

Sempre gosto de relembrá-los:
Palavras geram pensamentos. Pensamentos geram sentimentos. Sentimentos geram ações. Ações geram resultados!
Palavras de revolta geram pensamentos de revolta! Pensamentos de revolta geram sentimentos de revolta! Sentimentos de revolta geram ações de revolta! Ações de revolta geram resultados de revolta!
Pensemos nisso!
Grande abraço a todos. Sucesso no movimento!
“A insistência exagerada pode ser um defeito, mas a falta de persistência representa um defeito muito mais grave.”
“Se quiser, arranje desculpas para os erros alheios, mas se quiser alcançar um posto de liderança, responsabilize-se inteiramente pelas suas tarefas.”
“O sucesso se alcança pelo poder, e só se chega ao poder por meio de conhecimento organizado e inteligentemente direcionado.”
“Enquanto não aprender a ser tolerante com quem às vezes tem opinião diferente da sua, enquanto não cultivar o hábito de fazer comentários gentis sobre aqueles que você não admira, enquanto não se acostumar a ver o que as pessoas têm de bom e não de ruim, você não terá sucesso nem felicidade.”

Aderivaldo Cardoso
Aderivaldo Cardosohttps://policiamentointeligente.com
Especialista em segurança pública e cidadania, pós graduado pelo Departamento de Sociologia da Universidade de Brasília
- PUBLICIDADE -

COMENTÁRIOS

NOTÍCIAS RELACIONADAS

- PUBLICIDADE -

Últimas Notícias

- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -