- PUBLICIDADE -

Paulista que entrou no Ceará escondendo 10 quilos de drogas em carro rebocado é preso em ação conjunta em Juazeiro do Norte

Uma ação coordenada pela Polícia Civil do Estado do Ceará (PC-CE) e por uma equipe da Polícia Rodoviária Federal (PRF) resultou, nessa terça-feira (7), na prisão de um homem natural de São Paulo, de 26 anos, que estava em posse de 10 quilos de crack, divididos em 10 tabletes. Todo o entorpecente estava escondido dentro de um veículo que estava sendo guinchado de Pernambuco para Juazeiro do Norte, no Ceará – município pertencente à Área Integrada de Segurança 19 (AIS 19) do Estado. No momento da abordagem, o preso, que é proprietário do carro rebocado, não reagiu ao trabalho policial.

As equipes policiais trafegavam pela Avenida Leão Sampaio, em Juazeiro do Norte, quando avistaram um reboque levando um veículo, que já era Alvo das investigações policiais na região sul do Ceará. Ao verificar e vistoriar o carro, os agentes, com apoio de um cão farejador, encontraram cerca de 10 tabletes de crack, escondidos na parte interna do veículo. Com o trabalho de inteligência continuado, os policiais civis e federais indagaram para onde seria levado o transporte. O dono do carro identificado como Igor Arcanjo Soares (26), sem antecedentes criminais, e que também estava no reboque, informou que levaria para um parente que mora na região de Juazeiro do Norte.

Ainda com base nos levantamentos investigativos, Igor saiu da Bahia, mas só solicitou o serviço do reboque em Pernambuco que, com base nas informações policiais, foi a maneira usada por ele para não chamar atenção dos agentes cearenses. Diante dos fatos, ele foi levado à sede do Núcleo de Combate ao Tráfico de Drogas (NCTD) da Delegacia Regional de Juazeiro do Norte. Lá, ele foi autuado em flagrante por tráfico interestadual de drogas.

Já o motorista do reboque foi ouvido e liberado em seguida, pois as investigações apontam que ele não teria envolvimento na ação criminosa articulada por Igor. Com isso, as investigações seguem para identificar e localizar outros envolvidos nesta ação criminosa.

Denúncias

A população pode contribuir com as investigações repassando informações que auxiliem os trabalhos policiais. As informações podem ser direcionadas para o (88) 3102-1116, o número da Delegacia Regional de Juazeiro do Norte.

Denúncias também podem ser repassadas para o número (88) 2157-8021, que é o WhatsApp do Núcleo de Combate ao Tráfico de Drogas (NCTD) do Cariri, por onde podem ser feitas denúncias via mensagem de áudio, de texto ou vídeo, ou para o 181, o Disque-Denúncia da SSPDS, ou para o (85) 3101-0181, que é o número de WhatsApp.

Fonte: PCCE
Redação
Redaçãohttps://policiamentointeligente.com
Portal Especializado em Segurança Pública e Política.
- PUBLICIDADE -

COMENTÁRIOS

NOTÍCIAS RELACIONADAS

- PUBLICIDADE -

Últimas Notícias

- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -