- PUBLICIDADE -

O que os oficiais acham dos gestores de postos? Uma análise do "Empoderamento" dos Gestores dos Postos de Polícia Comunitária, de acordo com as opiniões dos Capitães do CAO I – 2010.

Há mais de três anos iniciei um debate sobre a DESMILITARIZAÇÃO CULTURAL dentro de nossa Corporação como um “catalizador” de mudanças em nosso meio. Muita coisa tem acontecido nesse período. A polícia está mudando e irá mudar muito mais!
Acreditando nesse processso 1000 (mil) livros foram “inseridos” em nosso meio com o objetivo de debatermos a polícia e nossa política de segurança pública, intitulada: POSTOS COMUNITÁRIOS DE SEGURANÇA (PCS). Várias monografias na Academia de Polícia e fora dela surgiram tendo como base nossos questionamentos. O nome POLICIAMENTO INTELIGENTE ganhou várias conotações, inclusive como programa de governo.
Primeiro, apresentei a opinião dos policiais que atuam na base, no trabalho intitulado: POLICIAMENTO INTELIGENTE – UMA ANÁLISE DOS POSTOS COMUNITÁRIOS NO DF (2009), posteriormente disponibilizei as monografias do Coronel Charles Magalhães e do Sargento Oliveira Filho. Hoje quero apresentar-lhes o excelente trabalho do CAPITÃO QOPM JOSÉ DO NASCIMENTO RÊGO MARTINS, cujo título é: POSTOS COMUNITÁRIOS DE SEGURANÇA NA PMDF: Uma análise do “Empoderamento” dos Gestores dos Postos de Polícia Comunitária, de acordo com as opiniões dos Capitães do CAO I – 2010.
Após entendermos o pensamento da base sobre o programa de postos é válido compreendermos a visão dos futuros comandantes sobre o tema, principalmente sobre os “Gestores de postos” – (Sargentos).
Monografia – CAP JOSÉ MARTINS CAO I_2010

Aderivaldo Cardoso
Aderivaldo Cardosohttps://policiamentointeligente.com
Especialista em segurança pública e cidadania, pós graduado pelo Departamento de Sociologia da Universidade de Brasília
- PUBLICIDADE -

COMENTÁRIOS

NOTÍCIAS RELACIONADAS

- PUBLICIDADE -

Últimas Notícias

- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -